www.osteopatiagoiania.com.br

DISFUNÇÃO - O que é?


A população mundial assim como em Goiânia, tem culturalmente a idéia geral de que as únicas coisas que afetam o organismo são as doenças e, sempre recorrem à medicina como primeira alternativa, isto está corretíssimo, contudo existem muitos outros problemas que afetam o organismo, e que estão longe de ser uma doença.

O organismo quando está saudável, encontra-se em equilíbrio biopsicossocial e assim cada sistema orgânico e/ou mental, etc..., mantêm sua função preservada, ou seja, “tudo funciona às mil maravilhas!” Isto também ninguém questiona. 

DISFUNÇÃO é: A má ação de funcionar (falando de uma forma simples), e que poderia ser algo como: o movimento está ruim. “Vamos brincar um pouco” e recorrer á ótica de um dicionário médico. Disfunção – distúrbio; defeito ou anomalia do funcionamento de um órgão. O dicionário Aurélio – “velho conhecido de todos nós”, só nos dá sua relação médica²: que se efetua de maneira anormal. Quebrando a palavra DISFUNÇÃO – DIS² (mau estado, defeito, dificuldade) + FUNÇÃO [Do latim functione] S.f. 1. ação própria ou natural dum órgão, aparelho ou máquina.

Voltando para a saúde, esquecemos que o organismo vivo é movimento em sua essência e por isso pode apresentar "Disfunção de Movimento" como desequilíbrio orgânico, sem ter que caracterizar uma dor ou sintoma como indício de uma doença/patologia. Assim sendo!

A medicina especializou-se em tratar patologia, eles são os melhores.

A osteopatia especializou-se em tratar a DISFUNÇÃO DE MOVIMENTO, e o mais legal é que fazemos isso sem entrar no terreno da medicina, pois utilizamos as mãos para avaliar e tratar, e ainda porque temos um olhar integral sobre o individuo.

Vamos então dar um exemplo para a população em geral. A coluna vertebral – corresponde há 70% em média das consultas em osteopatia. A Hérnia discal, é uma patologia da coluna vertebral e sendo assim a medicina seria de melhor escolha para um tratamento eficaz. A verdade não é tão absoluta assim, pois a Hérnia que é dita grande causadora de dores alucinantes apresenta uma estatística clínica interessante: 40% delas são apenas achados radiológicos (as pessoas não apresentavam nenhum sintoma, descobriram-na ao fazer uma ressonância para outras finalidades); e 60% delas são as hérnias ditas sintomáticas. Por que coloco desta forma?! Porque deste grupo comprovou-se que apenas 10% das hérnias tinham de fato correspondência com as dores alucinantes que as pessoas sentem e acabam evoluindo corretamente para as cirurgias, mas em 90% deste grupo eram apenas as disfunções de movimento a verdadeira causa das dores alucinantes, que podem ser tratadas sem intervenção cirúrgica, ou seja, pela Osteopatia. Colocando em números para que a população faça uma idéia, é a mesma coisa que pensarmos em um grupo de 100(cem) pessoas, e destas 40(quarenta) continuam vivendo normalmente sem tratamento, pois estão sem dores. 06(seis) pessoas seriam tratadas por cirurgias, uma vez tratar-se de uma patologia. 54(cinqüenta e quatro) pessoas seriam tratadas por uma intervenção mais suave como a Osteopatia. Sem precisar de cirurgias, uma vez que a disfunção é o agente das dores.

Não só a população, mas arrisco-me a dizer que a comunidade de saúde, vem esquecendo que a doença um dia foi uma disfunção, e que pode ser tratada sem utilizar drogas e/ou cirurgias.  
                                                                                                        A Osteopatia permite tratar as disfunções.

AGENDE SUA CONSULTA

logo-rodape
(62) 3941 - 4382
Rua 13, N°1436, St. Marista - Goiânia ( Próximo à T-9)
e-mail: contato@osteopatiagoiania.com.br

LOCALIZAÇÃO

Saiba onde estamos
localizacao
..Clique aqui


youweb
Desenvolvimento de sites goiânia

© 2010 Osteopatia - Todos os Direitos Reservado